Tem dúvidas de como deve organizar a alimentação em casa?
Este é um espaço virtual focado na qualidade alimentar que a família deve praticar em casa, nas compras, na creche, na escola, no trabalho.
Aqui encontrará excelentes conselhos de Nutrição e também de Segurança Alimentar a seguir pelo consumidor para si e sobretudo para as suas crianças!

domingo, 24 de fevereiro de 2008

BEBÉ: Ferver a água para o biberão...?

A água para fazer o leite do bebé deve ser fervida, mesmo que use água engarrafada?Obrigado. (mãmã Carla, filhota 3 meses)
A tua questão é pertinente...Antes de mais, é preciso avaliar qual a origem da água:
- É da rede pública? Na maior parte dos casos esta água tem excelente qualidade microbiológica (infelizmente sabemos que é devido ao teor elevado de cloro que lhe adicionam...) pelo que a fervura de 5-10 minutos é suficiente, apenas por protecção. No entanto, existem alguns locais no pais onde a água da rede pública é muito mineralizada (muito dura) que ao ser fervida ainda vai concentrar mais o seu teor em minerais. Até aqui nada de grave...Mas o que as mãmãs não sabem é que esta concentração de minerais ao associar-se aos minerais presentes na formula dos leites artificiais, é um factor significativo no aparecimento de diarreias (excesso de magnésio) ou obstipação (excesso de ferro). Por isso, recomendo só usar água da torneira em 2 situações:
a) Quando não se suspeita da qualidade microbiológica da água da torneira E
b) quando esta não for muito mineralizada, ou seja, dureza média ou baixa (dica: vejam dureza na embalagem do detergente do pó para a máquina da roupa!)
- É engarrafada? Existem águas de excelente qualidade no mercado, todas elas com qualidade microbiológica assegurada, pelo que não é necessário ferver. O que devem ter em atenção, pelas razões já referidas, é escolher uma água pouco mineralizada.
E nunca é demais lembrar que, no caso de aquecedores de biberões, apenas a água deve ser mantida em aquecimento, e NUNCA o leite reconstituído, para não promover o crescimento de bactérias que possam existir e que, neste consumidor tão vulnerável, representam um sério risco de saúde.
Consultora em Alimentação
Leia também:


Siga BabySol® nas Redes Sociais:



Email

Receba as actualizações do Portal BabySOL®:

Introduza o seu email:


Sem comentários:

Enviar um comentário

Comente este Blog.
A sua participação irá enriquecê-lo e promover novos conteúdos. Obrigada e...fique por perto!